DIRETORA TÉCNICA MÉDICA:
DRA.MARIUTZKA ZADINELLO
CREMESC 9562 RQE 12418

Método McKenzie: auxílio nas dores do pescoço, coluna e extremidades


Método McKenzie: auxílio nas dores do pescoço, coluna e extremidades

Mariana Hanna Tondo – CREFITO 172388-F

Fisioterapeuta, Osteopata e certificada pelo Método McKenzie

 

O Método McKenzie de Diagnóstico e Terapia Mecânica (em inglês, Mechanical Diagnosis and Therapy, MDT) é um método internacionalmente reconhecido de avaliação e tratamento de dores no pescoço, coluna e extremidades. Foi  desenvolvido pelo fisioterapeuta neozelandês, Robin McKenzie e vem sendo amplamente utilizado em todo o mundo, há mais de 30 anos. 

Os profissionais que almejam receber a certificação internacional do Método McKenzie (e assim ter a possibilidade de tratar pacientes em qualquer parte do mundo) recebem treinamento rígido que os possibilita avaliar e diagnosticar todas as áreas do sistema musculoesquelético. Isso significa que, se houver um problema na articulação (ou em algum músculo) da coluna, do pescoço ou das extremidades (ombros, cotovelos, punhos, dedos, quadril, joelhos ou tornozelos), uma avaliação realizada através deste método pode ser apropriada para elucidar a causa da dor e tratar adequadamente através de uma abordagem com reconhecimento inegável.

O MDT tem como filosofia orientar e explicar ao paciente o que está acontecendo com seu corpo, para que ele entenda e participe ativamente do tratamento, potencializando sua capacidade de se recuperar. Medidas passivas como calor, gelo ou ultrassom, bem como medicação ou cirurgia, são opções de tratamento que não são utilizados como coadjuvantes durante o tratamento com o Método McKenzie. Importante salientar que a base para se obter êxito na eliminação da dor é o entendimento do que está causando a dor; de quais exercícios devem ser feitos para eliminá-la e, é claro, a prática dos exercícios prescritos pelo terapeuta para prevenir aquela dor que incomoda.

Dentre as abordagens disponíveis na Fisioterapia, o MDT é o método de fisioterapia mais pesquisado atualmente. Sua característica fundamental é a avaliação inicial – uma maneira segura e confiável para alcançar um diagnóstico mecânico preciso e só depois traçar o plano de tratamento adequado. Profissionais certificados pelo Método McKenzie são capazes de identificar se o método vai ou não ser eficaz para cada paciente, individualmente. E caso o tratamento não se aplique, o Fisioterapeuta vai tratar o paciente através de outras abordagens.

A maioria das dores musculoesqueléticas é de origem "mecânica", ou seja, é causada por movimentos e posturas comuns do dia-a-dia. Robin McKenzie descobriu que existem movimentos e posturas que podem abolir a dor e restaurar a função. Acreditando que a maioria dos pacientes - se corretamente orientada, pode aprender a se tratar, ele percebeu que o autotratamento capacitava o paciente e reduzia sua dependência de intervenção médica.

Portanto, se você tiver:

·      Dor ciática;

·      Lombalgia (dor nas costas);

·      Dor de artrite no quadril, nádegas, ombros ou braços;

·      Dificuldade para curvar para a frente (devido à rigidez ou dor na coluna lombar);

·      Dor que começa nas costas ou pescoço e parece se espalhar para as pernas, nádegas ou ombros e braços;

·      Formigamento ou dormência nos pés ou nas mãos;

·     Dor identificada como problema nos cotovelos ou joelhos que não respondeu ao tratamento específico para essas áreas.

Então, você pode ser ajudado por um profissional treinado no Método McKenzie. O terapeuta poderá avaliar seu problema e orientá-lo a cuidar você mesmo de sua dor, rigidez ou restrição para trabalhar e exercer as atividades diárias comuns.

Como são as sessões que utilizam este método?

·       Avaliação (exclusiva do Método McKenzie): a avaliação mecânica identifica a origem do problema. O Fisioterapeuta lhe fará uma série detalhada de perguntas sobre seus sintomas e em seguida pedirá que você realize uma série de movimentos (o chamado Teste de Movimentos Repetidos). A resposta dos sintomas a esse Teste fornece ao terapeuta as informações de que ele precisa para traçar um programa de tratamento específico para você.

·      Tratamento: usando as informações colhidas durante a avaliação, o terapeuta prescreve um exercício específico que você irá realizar em casa ou no trabalho durante alguns dias. Se necessário, esses exercícios podem ser completados com técnicas de terapia manual (aplicadas pelo terapeuta), sempre com o objetivo de facilitar a realização do autotratamento.

·      Prevenção: tão importante quanto o tratamento da dor, a prevenção é fundamental para evitar recidivas. A rotina do dia-a-dia muitas vezes faz com que esqueçamos a postura correta e acabemos por causar novamente dor nas costas ou no pescoço. O entendimento de quais exercícios irão abolir a dor e evitar que ela volte a incomodar são fundamentais, e são aprendidos durante as sessões.

Os objetivos do Método McKenzie são:

·      Reduzir os sintomas através de exercícios;

·      Recuperar completamente a função;

·      Prevenir reincidências.

 

Por que o resultado é rápido, seguro e eficaz?

 

·      Porque determina um diagnóstico mecânico preciso;

·      Concilia as habilidades do paciente com a compreensão do seu problema;

·      Estimula o autotratamento;

·      Torna o paciente independente do terapeuta;

·      Previne de forma eficaz futuras crises de dor;

·   Reduz a dependência dos pacientes a medicamentos como anti-inflamatórios, analgésicos e corticoides.

 
Aprendendo a tratar o problema atual, você ganha conhecimento sobre como diminuir o risco de reincidência e, caso ela ocorra, como resolver rapidamente o problema por conta própria.